O SAAM Huasteca atenderá os requisitos do novo terminal norte do porto. Com um projeto do ASD Tug 2813, foi adquirido do estaleiro Damen Song Cam, de propriedade da empresa holandesa Damen Shipyards Group.

24 de setembro de 2019. Já está sendo construído o rebocador SAAM Huasteca, que a SAAM Towage encomendou recentemente ao estaleiro vietnamita Damen Song Cam, de propriedade da holandesa Damen Shipyards Group. O rebocador ASD Tug 2813 deverá começar a operar no final de fevereiro de 2020, no porto mexicano de Veracruz, para atender as novas exigências de manobrabilidade do terminal norte.

“Assim que foram estabelecidos novos critérios para a entrada de navios mercantes ao terminal, foram realizados estudos que determinaram a necessidade de operar com rebocadores de maior potência e com características específicas de manobrabilidade. Em poucos meses poderemos atender este requisito com nosso SAAM Huasteca, que tem uma enorme capacidade de tração a um ponto fixo, bem como as qualidades que a classe Escort fornece nesse projeto”, explicou o gerente técnico da SAAM Towage, Pablo Cáceres.

O rebocador, que será entregue pelo estaleiro de Hai-Phong em janeiro, terá uma capacidade de tração a um ponto fixo de 85 toneladas e atingirá uma velocidade máxima de 13 nós. Possui dois motores Caterpillar de 2.525 kW cada um e propulsores azimutais Kongsberg, e inclui a capacidade de combate de incêndios externos reconhecida sob a notação de Classe FF1.